A humanidade ainda tem salvação

Chega de Copa, falar sobre o dia-a-dia e, como ainda tem gente boa nesse mundão veio.
Na última quarta-feira, estávamos no ponto de ônibus, Lú e eu, por volta da uma da manhã, esperando algum ônibus que levássemos para casa.

Já praguejava o fato de ser um duro e ter que aturar aquela situação mais uma vez, afinal, quem mora em Guarujá sabe como é o sofrimento com os ônibus públicos, principalmente à noite e ainda mais naquele horário. Para ajudar, o local do ponto é escuro e meio perigoso.

Sem dinheiro para táxi ou moto-táxi, o jeito era esperar no frio. Até que parou um táxi Vectra branco. Quando já ia falando que não tínhamos condições de pagar a corrida, eis que o motorista diz que, dependendo para onde iríamos, se déssemos o valor da passagem nos deixaria próximo de casa, pois estava indo pegar um pessoal em um certo ponto e poderia levar a gente se fosse caminho.

Por sorte era. Não pensamos duas vezes e entramos no carro. O nome dele era Guto e falou que sempre que podia fazia esse tipo de coisa. Extremamente religioso (no carro estava tocando música gospel bem baixinho e havia uma bíblia no console) explicou que não custa nada ajudar o próximo e que, como vai gastar gasolina do mesmo jeito, ainda pode arrecadar um pouquinho mais para ajudar no lanche da madrugada.

Perguntei se ele trabalhava a madrugada toda e Guto explicou que só iria fazer essa corrida, porque não queria se arriscar muito, pois estava “com um recém-nascido em casa” e tinha que pensar nele.

Para encerrar, ele deixou a gente na porta de casa (o ponto é um pouco distante) e deixou o número do celular, caso precise de um táxi.

Nos dias de hoje, com a violência, desconfiança e a distância que as pessoas se impõe cada vez mais entre si, achar alguém como Guto me fez refletir como, apesar de tudo, ainda vale a pena acreditar que as pessoas têm salvação.

Valeu Guto!

Muito chata!

Já deixando de lado a empolgação e o espírito de Copa, sinceramente, esta é uma das Copas mais chatas dos últimos tempos!

Nenhuma zebrinha, nenhum destaque individual, nenhuma seleção jogando o primo do futebol. Nada!

Ainda faltam 6 jogos e espero que tenha um pouco mais de emoção, pois até agora está pior que 90 e 94.

Curiosidade

O Brasil foi campeão em 94 em cima da Itália, pode enfrentá-la, novamente na final desse ano.

Em 98 o Brasil perdeu para França. Vão se enfrentar novamente. Com o Brasil tentando a vingança.

Na última Copa, a seleção derrotou a Inglaterra nas quartas e a Alemanha na decisão. Os saxões podem ser os próximos adversários e, caso os germânicos vençam a Itália, também podem ter direito a uma desforra.

Não tem muito a ver, mas acho previsível esse negócio, não.

Vamos ó pá!

Portugal e Inglaterra, pelo que jogaram até agora, os nossos colonizadores levariam imensa vantagem. Mas pela tradição (ela de novo), os desfalques de Portugal e a qualidade dos jogadores ingleses, a Inglaterra levaria vantagem. Mas o técnico luso-brasileiro Felipão é mestre em superar adversidades e sugar garra de seus jogadores.

Deve ser mais uma partida emocionante podendo ser decidida na prorrogação ou nos pênaltis. Ou seja, um confronto que se for decidido no tempo normal, será nos detalhes.

Fico com nossos patrícios e Felipão.

Faltam dois

Brasil X França e Inglaterra X Portugal decidem os dois últimos semifinalistas e qual confronte decide a última vaga da grande final em Berlim.

Com certeza, o Brasil atropela a França, pois dessa vez não tem ninguém passando mal e a seleção é muito mais time que o Francês. O problema é que a Espanha pensava a mesma coisa. E deu no que deu.

Arrisco até uma goleada, mas sempre com o pé atrás.

34, 38 e 82 contra 54, 74 e 90

Foi nervoso, agoniante, imprevisível. E, ao contrário do que muitos pregavam, sem interferência da arbitragem.

Na injusta cobrança de pênaltis, a Alemanha fez valer o sangue frio e a tradição de seus grandes goleiros e mandou a Argentina de volta para Buenos Aires.

A festa dos torcedores alemães foi daquelas coisas que dá gosto de ver e que dá até vontade de torcer por eles.

Sorte que passa rápido!

A Itália, que fez valer a tradição, passou sem problemas pela Ucrânia, sapecando 3 a 0, fora o baile.

Mas ainda acredito que não jogou o que sabe, fazendo valer a mesma tradição que carrega em sua camisa.

São seis títulos em campo. Duas seleções sempre favoritas, mas apenas uma vai tentar o tetra no dia 9 de julho.

Na minha opinião, nada modesta, os donos da casa passam sem dificuldades.

Outra Copa

Todo mundo, literalmente, está antenado na Copa do Mundo. Nas disputas entre as seleções, continentes e tudo mais.

Mas está acontecendo outra Copa, ao mesmo tempo. E essa, apesar de discreta, envolve milhões e prestígio entre os envolvidos.

É a copa dos fornecedores de materiais esportivos. Infelizmente queria escrever sobre isso nas oitavas, mas já expliquei o que aconteceu no post anterior.

Adidas, Umbro, Nike, Letto e Puma estão disputando para ver quem leva o título. Nas quartas os duelos ficaram assim:

Adidas X Adidas
Puma X Letto
Nike X Umbro
Nike x Adidas

Traduzindo

Alemanha X Argentina
Itália X Ucrânia
Portugal X Inglaterra
Brasil X França

De certeza, só a Adidas que vai garantir uma vaga na semi, o restante é sempre incógnita, como diz os jargões do futebol.

À tarde, tento postar mais.

Recomeça a batalha!

Para variar, mais uma vez, o blog ficou um mês se atualizações. Peço desculpas, mas tudo está muito corrido ultimamente, tanto que esse mês passou voando.

Queria ter falado da expectativa do início da Copa, das disputas da primeira fase, das oitavas, enfim, de tudo isso. Também queria falar da crise da Varig, dos desmando do Governo, do PCC enchendo de novo… Mas passou!

Para me redimir, volto à carga da Copa!

Hoje recomeça, depois de dois dias sem jogos (o que foi uma eternidade para quem estava acostumado com tanto futebol). As duas equipes que mostraram o futebol mais vistoso se enfrentam e só uma avança, infelizmente.

Apesar dos prenúncios apocalípticos do Juca Kfouri, deve passar a Alemanha porque joga em casa, mas não coloco a minha mão no fogo por isso.

Na outra partida tenho meus receios. Até agora, tanto a Itália, quanto a Ucrânia, não jogaram nada. Seguiram em frente no melhor estilo “fui indo, indo… e to indo). Pela lógica dá Itália, mas vai que, justo hoje, o Shev resolve jogar… O jeito é aguardar dar meio-dia e 16 horas, para ver quem vai passar para as semis, para depois tentar o topo do Mundo.

Fica para amanhã o que penso dos outros jogos. Prometo que não vou levar um mês para atualizar.